Categorias
Basquete Matérias Especiais

Deryk Ramos, de Brasília, ganha prêmio individual no NBB8

Redes Sociais Esportivas

Por Edmar Ferreira

O armador limeirense Deryk Ramos, de contrato renovado com o Brasília por mais uma temporada, ganhou o troféu de jogador que mais evoluiu no Novo Basquete Brasil 8. A festa de premiação aconteceu na terça-feira à noite, em São Paulo.

Deryk, revelado pela Winner/Limeira, venceu a disputa com Lucas Dias (Pinheiros) e Davi Rosseto (Basquete Cearense). O armador também concorria ao prêmio de Destaque Jovem (Sub-22), mas perdeu para Lucas Dias (Pinheiros).

O quinteto ideal do NBB8 foi formado por: Davi Rosseto (Basquete Cearense), Alex Garcia (Bauru), Marquinhos (Bauru), Rafael Hettsheimeir (Bauru) e Caio Torres (Paulistano). O técnico é José Neto (Flamengo). Merecidamente, Marquinhos ganhou também como MVP (jogador mais valioso da competição).

A votação que elegeu os melhores do ano contou com a participação de técnicos, assistentes e capitão das 15 equipes que disputaram a oitava edição do NBB, além da imprensa especializada, personalidades do basquete brasileiro, comissários e árbitros.

Vencedores dos prêmios individuais:

Jogador que Mais Evoluiu: Deryk Ramos (Brasília)
Destaque Jovem: Lucas Dias (Pinheiros)
Melhor Sexto Homem: Marcelinho Machado (Flamengo)
Melhor Defensor: Alex Garcia (Bauru)
Melhor Estrangeiro: Shamell (Mogi das Cruzes)
Melhor Armador: Davi Rossetto (Basquete Cearense)
Melhores Alas: Alex Garcia (Bauru) e Marquinhos (Flamengo)
Melhores Pivôs: Rafael Hettsheimeir (Bauru) e Caio Torres (Paulistano)
Melhor Técnico (Troféu Ary Vidal): José Neto (Flamengo)
MVP (Jogador Mais Valioso): Marquinhos (Flamengo)
Líder em assistências: Fúlvio (Brasília)
Líder em rebotes: Guilherme Teichmann (Rio Claro)
Cestinha (Troféu Oscar Schimdt): Neto (Liga Sorocabana)
Melhor ataque: Bauru
Melhor defesa: Basquete Cearense
Equipe Fair Play: Universo/Vitória
Árbitro revelação: Gustavo Edson Mathias (SP)
Melhor Trio de Arbitragem: Cristiano Maranho (SC), Guilherme Locatelli (SC) e Jacob Barretto (SP)
Melhor árbitro: Cristiano Maranho (SC)

Foto – João Pires/LNB

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •