Criciúma tenta tirar Balardin da Inter

Por Edmar Ferreira

Em razão da campanha vitoriosa de 2017, com o acesso para a Série A-2 e uma vaga conquistada na Copa do Brasil com o vice na Copa Paulista, muitos jogadores da Internacional se valorizaram.

Do elenco que fez história no Leão na temporada passada, apenas Wesley deixou o time. O atacante se transferiu para o Londrina, onde disputará o Campeonato Paranaense, Copa do Brasil e Série B do Brasileiro.

Outro jogador que se destacou e que tem um futuro brilhante é Balardin. O polivalente jogou a Série A-3 como lateral-direito. Dos 25 jogos da Inter na competição, em metade deles foi escolhido o melhor em campo.

Na Copa Paulista, com a lesão de Carlão e a ascensão de Vinícius Pedalada, João Vallim deslocou Balardin para a zaga ao lado de Nikão. E não é que o curinga arrebentou novamente.

Em razão de suas ótimas atuações, em especial nos jogos decisivos da Copa Paulista contra XV de Piracicaba e Ferroviária, que foram mostrados ao vivo pelo FOX Sports, Balardin, de 22 anos, chamou a atenção de alguns clubes brasileiros.

 

chico macaco

 

Um deles foi o Criciúma. O time catarinense tentou contratar Balardin este mês, para que o jogador disputasse no primeiro semestre o Campeonato Catarinense e no segundo a Série B do Brasileiro.

A Inter fez de tudo e conseguiu segurar um de seus principais jogadores, deixando os torcedores mais aliviados. Em pouco tempo, virou um dos ídolos da torcida por sua entrega em campo.

Balardin atuou por 16 anos no Corinthians, ou seja dos 5 aos 21 anos.

Dos 5 aos 10 jogou futsal no Timão. Dos 10 aos 15, atuava no campo e nas quadras. Daí a explicação para tamanha habilidade.

Dos 16 aos 21 jogou apenas no campo.

Antes de ser convidado pelo técnico João Vallim para jogar na Internacional, Balardin, de 1m80 e 78 kg, passou pelo Velo Clube.

balardim 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *