Limeirense Emerson Mimo, do Lugano FC: “Suíça é tecnicamente perfeita”

Por Edmar Ferreira

Atuando há 11 meses no Lugano FC, time da 1ª Divisão da Suíça, o limeirense Emerson Muller, o “Mimo”, de 20 anos, nos concedeu uma entrevista exclusiva para falar sobre o primeiro adversário do Brasil na Copa do Mundo da Rússia.

Defendeu as escolinhas de São Caetano, Metalúrgicos e Lê. O meia atuou três anos no Desportivo Brasil e um ano e meio no Palmeiras antes de ser negociado. Filho do casal Neto e Dina, tem contrato até 2021. Está em férias, mas retorna na terça-feira para a pré-temporada.

O Brasil precisa se preocupar com a Suíça?

Os próprios suíços sabem que o Brasil é muito favorito. Eles até lamentaram demais cair no grupo brasileiro. Tanto é verdade, que na matemática que fizeram, computaram as vitórias contra Costa Rica e Sérvia e uma derrota para nós. O respeito pela nossa seleção é gigantesco.

O que a Suíça pode oferecer de bom para esta Copa?

É uma seleção tecnicamente perfeita. Marca como poucos. É por isso que sofre poucos gols. Na filosofia do bósnio Vladimir Petkovic, primeiro a defesa e depois o gol. Quanto aos destaques, a grande esperança é no atacante Shaqiri, ex-Bayern de Munique e Inter de Milão, que atua no Stoke City.

Os suíços estão empolgados com a Copa?

Vou ser sincero. Nem parece que teremos Copa do Mundo este ano. Os suíços não dão tanta importância ao futebol. O forte é a cultura. Eles são indiferentes. Não é como no Brasil, onde o futebol faz o povo esquecer dos problemas.

Você se adaptou facilmente na Suíça?

Tudo faz parte de um aprendizado. Quando cheguei na Suíça não conhecia ninguém e não falava a língua. Mas aos poucos fui me adaptando. A pressão é bem menor do que no Brasil. Eles respeitam seu tempo. Tem um brasileiro lá, o atacante Carlinhos Júnior. Recentemente casei e minha esposa Patrícia foi comigo. Isso me ajudou demais.

Você se recuperou completamente da grave lesão que sofreu?

Graças a Deus hoje estou 100% recuperado. Perdi oito meses importantes da minha carreira. Estava no Palmeiras e às vésperas da Copa São Paulo de Juniores eu rompi o ligamento cruzado do joelho direito em um amistoso contra o Flamengo de Guarulhos. Mas a cirurgia foi perfeita e hoje estou bem.

Para finalizar, quem serão os três primeiros da Copa do Mundo?

Brasil campeão, França vice e a zebra desta edição será a Bélgica, que vai terminar em terceiro lugar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *