Palmeiras encara o líder do Campeonato Paraguaio pelas oitavas da Libertadores

O Palmeiras inicia hoje a fase de mata-mata das oitavas de final da Taça Libertadores da América contra o Cerro Porteño, às 21h45, no estádio La Nueva Olla, em Assunção, no Paraguai.

Vale lembrar que o Verdão é o dono da melhor campanha da primeira fase e tem a vantagem de decidir todas as partidas até uma eventual final em casa. O jogo de volta está marcado para o dia 30 de agosto, no Allianz Parque.

Será o primeiro jogo do técnico Luiz Felipe Scolari no comando da equipe pela competição intercontinental nesta sua terceira passagem pelo clube. Ele foi o responsável por levar a equipe à sua primeira conquista da América em 1999, dois títulos da Copa do Brasil e o vice do Mundial Interclubes.

Para esta partida, o treinador não poderá contar com o lateral Marcos Rocha, com o meia Alejandro Guerra e com o atacante Willian Bigode, todos entregues ao departamento médico.

No domingo passado, Felipão poupou todos os titulares no empate sem gols com o América/MG, em Belo Horizonte, pelo Brasileirão.

Cerro e Palmeiras já se enfrentaram nove vezes, sendo oito delas pela Libertadores. O Verdão venceu quatro partidas, empatou quatro e foi derrotado em apenas uma, em 2006, a qual foi marcada por uma pancadaria generalizada. Além disso, o time alviverde balançou a rede 22 vezes e sofreu 10 gols.

Levando-se em consideração todas as partidas contra times paraguaios, o Palmeiras leva grande vantagem: 13 vitórias, nove empates e apenas quatro derrotas, com 54 gols marcados e 33 sofridos.

O Palmeiras fez cinco alterações permitidas na lista de inscritos. Saíram os jogadores Emerson Santos, Juninho, Fabiano, Tchê Tchê, Michel Bastos e Keno. Entraram Jean, Artur, Gustavo Gómez, Nico Freire e Vitinho. Como uma das 30 vagas não pôde ser preenchida, a camisa 11, que era de Keno, ficou vaga para etapa da Libertadores.

O Palmeiras negocia o empréstimo do zagueiro Thiago Martins, de 23 anos, ao Yokohama Marinos, do Japão. A equipe alviverde conversa para acertar a ida do jogador à equipe da J League até o final de 2019.

O Cerro Porteño lidera o Campeonato Paraguaio com oito pontos após quatro rodadas do Torneio Clausura. São duas vitórias e dois empates. Diego Churín é o artilheiro da competição com três gols. Mas no ano já são 13 tentos, sendo quatro pela Libertadores.

O Cerro entrou em campo pela última vez na sexta-feira, quando venceu o Sol de América por 2 a 0, com gols de Churín e Hernan Novick. Para o técnico Luis Zubeldía, a boa vitória antes da decisão não pode ser parâmetro para enfrentar o Palmeiras.

Demais jogos de hoje

Outros dois jogos acontecem esta noite pelas oitavas de final da Taça Libertadores da América. Às 19h30, clássico argentino entre Racing e River Plate e às 21h45, também na Argentina, o Atlético Tucumán recebe o Atlético Nacional/COL.

Vale lembrar que o primeiro duelo entre Independiente/ARG x Santos está marcado apenas para o dia 21 de agosto.

Já pela segunda fase da Copa Sul-Americana, o Vasco da Gama recebe a LDU, às 19h30, em São Januário. No jogo de ida os equatorianos venceram por 3 a 1.

Cerro Porteño x Palmeiras

Cerro Porteño – Antony Silva; Raúl Cáceres, Marcos Cáceres, Juan Escobar, Marcos Acosta Rojas; Jorge Rojas, Rodrigo Rojas, Marcelo Palau, Hernán Novick, Óscar Ruiz; Diego Churín. Técnico – Luis Zubeldía.
Palmeiras – Weverton, Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Moisés e Lucas Lima (Gustavo Scarpa); Dudu e Borja (Deyverson). Técnico – Luiz Felipe Scolari.
Árbitro – Fernando Rapallini (Argentina)
Local – La Nueva Olla, em Assunção, no Paraguai, às 21h45.

*** Foto – César Greco/ Agência Palmeiras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *