Com seis mudanças, Brasil enfrenta El Salvador em amistoso nos EUA

Depois de vencer os EUA por 2 a 0, a seleção brasileira realiza hoje o seu segundo amistoso após a Copa do Mundo da Rússia. O Brasil enfrenta El Salvador, às 21h30 (de Brasília) no Fedex Field, em Washington, estádio com capacidade para 82 mil lugares.

Em relação ao time que atuou na sexta-feira, Tite confirmou seis mudanças. Neto, Éder Militão, Dedé, Alex Sandro, Arthur e Richarlison entram nas vagas de Alisson, Fabinho, Thiago Silva, Filipe Luís, Fred e Roberto Firmino.

Desta forma, o Brasil está definido com: Neto; Éder Militão, Marquinhos, Dedé e Alex Sandro; Casemiro, Arthur, Douglas Costa e Phillipe Coutinho; Neymar e Richarlison.

El Salvador, que figura na 72ª colocação no ranking da FIFA, vem de vitória sobre Montsserrat, uma pequena ilha do Caribe, por 2 a 1, pela Eliminatórias da Liga das Nações da Concacaf, graças a um gol aos 49 minutos do segundo tempo.

O técnico Carlos de Los Cobos convocou 23 jogadores para o amistoso contra o Brasil. Destes, 17 jogam no país. Apenas um deles atua na Europa. Trata-se de Denis Peneda, que atua pelo Santa Clara, de Portugal.

El Salvador disputou apenas duas Copas do Mundo, em 1970 e 1982. Detém o recorde de sofrer a maior goleada da história em Mundiais: 10 x 1 para a Hungria. Nas Eliminatórias para a Copa da Rússia, o selecionado nem chegou ao hexagonal final.

Brasil e El Salvador se enfrentaram apenas duas vezes na história, curiosamente ambas nos EUA. Em 1994, a nossa seleção goleou por 4 a 0, gols de Romário, Bebeto, Zinho e Raí. Quatro anos depois, outra vez 4 x 0, em partida válida pela Copa Oro, gols de Élber (2), Edmundo e Romário.

O Brasil terá mais dois testes em novembro. Dia 12 contra a Arábia Saudita e diante da Argentina dia 16, ambos na Arábia Saudita.

*** Foto – Lucas Figueiredo/ CBF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *