Mais detalhes do jogo-treino entre Internacional e Velo Clube no Limeirão

Por Edmar Ferreira

É quase impossível uma partida envolvendo equipes de Limeira e Rio Claro terminar sem confusão. A rivalidade existe até em jogo-treino. Ontem não foi diferente. No segundo tempo do encontro entre Internacional e Velo Clube, no Limeirão, foram duas expulsões e uma confusão generalizada.

A Internacional vinha de três vitórias seguidas, duas contra equipes Sub-20 (2 x 0 na Inter e 4 x 0 Velo Clube) e diante do Capivariano por 2 a 1, todas no Major Levy.

Ontem, contra o time principal do Velo Clube, que disputará a Série A-3 do Campeonato Paulista, técnico João Vallim promoveu a entrada do meia Élvis, de 22 anos, contratado junto a Ferroviária de Araraquara.

O forte calor desgastou os jogadores e duas paradas técnicas foram respeitadas pelo árbitro Bruno Bertuolo, que teve como auxiliares Júnior Lima dos Santos e Luiz Carlos Maezi.

O Velo Clube abriu o placar em uma boa jogada pelo setor direito. Léo Turbo foi acionado e levantou na cabeça de Laguna: 1 x 0.

A Inter criou poucas oportunidades na primeira etapa. Em uma delas, o volante Marquinhos cabeceou na trave. Nata, de falta, assustou o goleiro Felipe.

Em um contra-ataque rápido da equipe rio-clarense, Anderson cruzou da direita e Chuck, o “boneco assassino”, ex-Galo e Leão, perdeu um gol feito, mandando por cima do gol.

A Inter iniciou o jogo-treino com: Moisés; Luís Roberto, Oliveira, Jean Pablo e Nikão; Marquinhos, França, Nata e Élvis; Tcharlles e Ademir.

O Velo iniciou com: Felipe; Léo Turbo, Rufino, Diogo e Janilson; Eurico, Anderson, Adriano e Luiz Henrique; Chuck e Laguna.

A Inter só voltou com uma alteração para a etapa complementar. A entrada de Rafael Pin no gol. Logo aos 3 minutos, França fez um lançamento primoroso para Luís Roberto, que cruzou para a área. Tcharlles tentou de bicicleta e na sobra, Ademir girou e bateu rente a trave.

Aos 11 minutos uma grande confusão foi registrada. O zagueiro Jean Pablo não gostou da entrada que sofreu de Gustavo e foi para cima do velista. Muito empurra-empurra e alguns minutos de paralisação. O becão deixou a partida e Brunão entrou em seu lugar.

Aos 13 minutos, Luís Roberto cruzou da direita e Nata escorou por cima, perdendo ótima chance. Aos 15 foi a vez de Alisson cruzar e França fazer o mesmo. Aos 25, em cobrança de escanteio de Mael, Marquinhos subiu mais que os zagueiros e exigiu boa defesa de Felipe.

Quando a Inter estava próxima do empate, o Velo executou um contra-ataque perfeito. Vinícius cruzou para o gol de cabeça de Guerreiro: 2 x 0.

Vallim usou na etapa complementar Alison, Alan, Wendel, PC, Giovani, Bruno, Jorge Elias e Mael. Após a partida os jogadores foram liberados para as festas de fim de ano.

Próximo jogo-treino será no dia 5 de janeiro, às 10h30, contra a Caldense, também no Limeirão. Antes da estreia da Série A-2 contra o XV de Piracicaba, o Leão ainda enfrentará amistosamente o Comercial, Guarani, Bragantino e Ponte Preta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *