Há 10 anos, Inter não ficava sete jogos sem vencer no Limeirão

Por Edmar Ferreira

Três jogos em casa e apenas dois pontos somados, ou melhor, sete desperdiçados. O desempenho da Internacional no Limeirão nesta Série A-2 do Campeonato Paulista tem deixado a desejar.

Depois de perder na estreia para o XV de Piracicaba por 3 a 2, o time comandado por João Vallim acumulou dois empates seguidos sem gols diante de seu torcedor e contra dois adversários que estão na parte de baixo da tabela: Atibaia e Penapolense.

Se somarmos as quatro derrotas seguidas na Copa Paulista, o jejum de vitórias da Inter em casa chega a sete partidas. São cinco derrotas e dois empates.

A última vitória no Major Levy aconteceu no dia 18 de agosto, diante do Noroeste por 3 a 1, pela Copa Paulista. Ou seja, há seis meses.

A Internacional tem uma nova chance para acabar com esse incômodo jejum, pois recebe o Votuporanguense, amanhã às 20h, pela sétima rodada da fase de classificação.

E o time de Votuporanga vem desesperado para cá, pois perdeu os últimos três jogos, dois pela A-2 (1 x 0 Rio Claro – casa e 2 x 1 Santo André – fora), além de ser eliminado na primeira fase da Copa do Brasil ao perder para o Ypiranga de Erechim/RS, em sua arena, por 1 a 0.

A última vez que a Inter ficou tanto tempo sem vencer em casa foi na temporada 2008/2009. Naquele período, o Leão caiu da Série A-2 para a A-3. Foram 11 jogos sem vitória em casa, com três empates e oito derrotas. O jejum foi interrompido no 12º jogo, quando goleou o União Mogi por 5 a 1.

Desfalque

João Vallim não poderá contar com o volante Nata, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Marquinhos e Brunão, que desfalcaram o Leão nos últimos jogos, estão à disposição do treinador.

O meia Chumbinho, que fez sua estreia no segundo tempo contra o Penapolense, tem grandes possibilidades de começar jogando. Se isso acontecer, Mael pode ser adiantado ao ataque no lugar de Ademir. Desta forma, o Leão entraria com três meias e apenas Clebinho ofensivo.

Os 920 pagantes de sábado saíram insatisfeitos com a atuação da Internacional. O time de Penápolis, que ocupa a zona do rebaixamento e estreava o técnico Edson Só, teve duas bolas na trave e por pouco não saiu com a vitória de Limeira.

De saída

Anderson Rocha que estava na Inter desde de novembro de 2018, anunciou sua saída do clube. O jovem gerente de futebol foi apresentado no Jaguariúna FC, clube que jogará a 2ª Divisão do Campeonato Paulista e que será um dos adversários do Independente.

Anderson Rocha informou que a proposta do Jaguariúna é semelhante ao que vinha desempenhando na Inter, mas optou por sair de Limeira por ter algumas opiniões divergentes da atual diretoria. Sendo assim, teria mais autonomia em seu clube atual. Rocha foi o responsável pela vinda do volante França.

Jejum atual de sete jogos sem vitória:

25/08/18 – Inter 0 x 2 Ferroviária
08/09/18 – Inter 0 x 2 Rio Claro
12/09/18 – Inter 1 x 2 XV de Piracicaba
19/09/18 – Inter 0 x 1 Red Bull
19/01/19 – Inter 2 x 3 XV de Piracicaba
30/01/19 – Inter 0 x 0 Atibaia
09/02/19 – Inter 0 x 0 Penapolense

Onze jogos seguidos sem vencer em casa:

20/01/08 – Inter 3 x 4 Oeste
01/02/08 – Inter 2 x 2 Santo André
13/02/08 – Inter 0 x 2 Monte Azul
24/02/08 – Inter 0 x 2 Atlético de Sorocaba
08/03/08 – Inter 1 x 4 América
19/03/08 – Inter 1 x 1 Ferroviária
26/03/08 – Inter 0 x 1 Olímpia
30/03/08 – Inter 2 x 4 XV de Jaú
11/02/09 – Inter 1 x 1 Oeste Paulista
21/02/09 – Inter 1 x 2 Itapirense
01/03/09 – Inter 0 x 2 Olímpia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *