Volante do Flamengo é sepultado em Limeira

Por Edmar Ferreira

Com as bandeiras de Flamengo e Independente, Rykelmo de Souza Viana, de 16 anos, foi sepultado ontem à tarde no Cemitério Parque, em Limeira. Em princípio o enterro estava marcado para as 10h, mas foi adiado para as 12h, pois alguns amigos do Rio de Janeiro não tinham chegado para o adeus.

Milhares de limeirenses participaram do velório do volante, uma das dez vítimas fatais do incêndio no alojamento das categorias de base do Flamengo, no Ninho do Urubu.

Familiares e amigos usavam uma camisa branca com a foto do volante estampada e a frase “Amor Eterno”. Nas costas estava a frase: “Entrega teu caminho ao senhor, confia nele, e ele tudo fará”.

rykelmo - pais

Um dos mais emocionados era o pai José Lopes Viana, que dificilmente conseguia falar. “A dor é muito grande. Perdi meu menino que valia ouro. Um filho abençoado que só me deu alegrias. Tinha tanto orgulho dele que não cabia dentro de mim. Desde criança eu sabia que ele se tornaria um jogador de futebol. Era muito dedicado e sabia o que queria da vida. Fará muita falta para todos nós”, comentou.

A mãe Rosana Viana estava com a camisa do Flamengo e foi amparada por familiares e amigos. Fez um discurso emocionante, no qual chamou o filho de “guerreiro”. Lembrou que o filho lesionou o tornozelo no final do ano e que mesmo assim, seguia treinando.

Professores de escolinhas, autoridades, ex-jogadores e até o prefeito Mário Botion estiveram presentes. Antes de o caixão ser levado para o túmulo, Rosana fez uma oração.

“Eu não tenho como descrever o que meu filho é. Eu sei que ele deixou um legado. Uma história linda. O sonho dele mesmo era levantar a base do Independente, porque saiu daqui”, disse.

O voo com o corpo de Rykelmo, apelidado de Bolívia, deixou o Rio de Janeiro no final da tarde de domingo e chegou ao Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas. O velório começou por volta das 22h, no Cemitério Parque.

Segundo a EPTV, o Flamengo emitiu uma nota garantindo que está prestando todo auxílio às famílias e que vai manter o salário dos atletas.

*** Fotos – Roberto Gardinalli

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *