Santo André tem apenas 29,6% de aproveitamento como visitante na A-2

Por Edmar Ferreira

Se a Internacional é considerada uma das melhores equipes visitantes da Série A-2, o Santo André tem um aproveitamento bem abaixo jogando fora de casa, com apenas 29,6%.

Os dois times começam a decidir o título do Campeonato Paulista neste domingo, às 11h, no Limeirão. Jogo de volta será no feriado de 1º de maio, no ABC. O campeão receberá uma premiação de R$ 280 mil, além de uma vaga na Copa do Brasil.

O técnico João Vallim pediu atenção redobrada, principalmente pelo bom momento vivido pelo adversário leonino, que conseguiu eliminar o Rio Claro nas quartas de final e o poderoso Água Santa nas semifinais.

Contra o Azulão, o Santo André abriu a série perdendo em pleno Estádio Bruno José Daniel por 1 a 0. Mas teve forças para reagir e vencer no Schmidtão por 2 a 1, levando a decisão da vaga para as penalidades máximas. Nas cobranças, levou a melhor e venceu por 5 a 4.

Contra o Netuno, o Ramalhão venceu por 2 a 0, em casa, naquele que foi considerado o resultado mais surpreendente da competição. Na volta, o Água Santa fez 3 a 2, insuficiente para avançar.

Como visitante nesta A-2, o Santo André venceu apenas duas partidas: 1 x 0 no Juventus, na Rua Javari e 2 x 1 no Rio Claro, no Schmidtão. Foram outros dois empates: 0 x 0 em Lins e 1 x 1 em Sertãozinho.

Foram cinco derrotas fora de casa: 2 x 0 Rio Claro, 1 x 0 XV de Piracicaba, 1 x 0 Água Santa, 2 x 1 Nacional e 3 x 2 Água Santa. No total, o Ramalhão marcou apenas sete gols fora de casa e sofre 11.

Em casa

Jogando no Bruno José Daniel a história muda complemente de figura. O Santo André foi derrotado apenas uma vez em casa nesta A-2, justamente para o Rio Claro por 1 a 0, na abertura do mata-mata das quartas de final.

Foram cinco vitórias: 2 x 0 Penapolense, 1 x 0 Taubaté, 2 x 1 Votuporanguense, 2 x 0 Portuguesa e 2 x 0 Água Santa. E outros quatro empates: 2 x 2 Portuguesa Santista, 1 x 1 São Bernardo, 0 x 0 Internacional e 2 x 2 Atibaia. Foram 14 gols marcados e apenas 7 sofridos.

O Santo André aposta na evolução de alguns jogadores, como do polivalente Rhuan, do meia Christian, campeão paulista com o Ituano e o artilheiro Anselmo.

Definição

Técnico João Vallim só não repetirá a escalação da Internacional que conquistou o acesso no Barão de Serra Negra, após vencer o XV de Piracicaba nos pênaltis, depois de um 2 a 2 no tempo normal, porque no rodízio de goleiros, Moisés assumirá o lugar de Rafael Pin.

O zagueiro Jean Pablo, que estava com dores no joelho, treinou normalmente e está confirmado. A preocupação é com o lateral Alison, que a exemplo do becão, está pendurado com dois cartões amarelos.

A Inter iniciará a disputa pelo caneco com: Moisés; Alison, Oliveira, Jean Pablo e Malcoon; França, Marquinhos, Nata e Chumbinho; Élvis e Tcharlles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *