Categorias
Primeiro de Maio

Pradão recebe hoje as finais do 1º de Maio

Redes Sociais Esportivas

Por Edmar Ferreira

O Estádio Comendador Agostinho Prada recebe nesta manhã a fase final do 73º Torneio 1º de Maio de Futebol. ZF do Brasil, GF Brutos, Ajinomoto, Maxion Wheels e Mahle brigarão pelo título.

Às 8h, ZF e GF disputam uma vaga na semifinal. A ZF eliminou no domingo passado a Gerdau por 5 a 0 e a DAS por 3 a 0. Já o GF passou por Unipac, Zaccaria e Pró-Metal, todos por 1 a 0.

Às 8h30, clássico entre Ajinomoto e Maxion. A atual campeã sofreu para chegar a fase final. Foram dois empates por 1 a 1 contra Licav e Faurecia e duas vitórias nos pênaltis. A Maxion, favorita ao título, goleou a Construjá por 8 a 0 e derrotou o Correios por 3 a 0 e a CCS por 1 a 0.

A Mahle ficou no chapéu e enfrentará na semifinal o vencedor de ZF x GF. Na primeira fase foram duas vitórias, sobre MD Papéis por 1 a 0 e Contatto por 2 a 1 e um empate sem gols com a Plastcor. Nos pênaltis levou a melhor e venceu por 4 a 3.

Em 2018

No ano passado, a Ajinomoto interrompeu a sequência de dois títulos consecutivos da Faurecia e conquistou o título.

No primeiro jogo, a Faurecia eliminou a Garcia. O único gol da partida foi marcado no último minuto, através de um pênalti convertido por Jé.

Em seguida, a Ajinomoto decidiu a primeira semifinal contra a Usinéses e não teve dificuldades para vencer por 3 a 0, gols de Afonso, Lukinha e Fernando. A Faurecia voltou a campo em seguida para a outra semifinal e venceu por 2 a 0, gols do centroavante André e Robinho.

Ajinomoto e Faurecia fizeram uma decisão eletrizante, com arbitragem perfeita do saudoso Ademir Aragão. O meia Evandro bateu cruzado e marcou o gol do título.

O zagueiro Ronaldo, que jogou improvisado no gol da Ajinomoto, não sofreu nenhum gol no torneio e foi o menos vazado. Foram cinco jogos: 3 x 0 Licav, 5 x 0 Limertruck, 1 x 0 Mahle, 3 x 0 Usinéses e 1 x 0 Faurecia. Já o artilheiro foi William, da Mando, com cinco gols.

Campeões do 1º de Maio:

1947 – Máquinas São Paulo
1948 – Máquinas São Paulo
1949 – Invicta
1950 – Máquinas São Paulo
1951 – Máquinas D’Andrea
1952 – Máquinas São Paulo
1953 – Máquinas São Paulo
1954 – Calçados Atlantida
1955 – Irmãos Lucato
1956 – Cia Prada
1957 – Ribeiro Parada
1958 – Sandálias Buzolin
1959 – Sandálias Buzolin
1960 – Sandálias Buzolin
1961 – Irmãos Lucato
1962 – Irmãos Lucato
1963 – Cia União
1964 – Cia União
1965 – Cia União
1966 – Cia União
1967 – Cia União
1968 – Calçados Atlantida
1969 – Calçados Atlantida
1970 – Flexa Azul
1971 – Fumagalli
1972 – Fumagalli
1973 – Contin
1974 – Fumagalli
1975 – Newton
1976 – Rodográs
1977 – Transporte Lazinho
1978 – Fumagalli
1979 – Invicta
1980 – Freios Varga
1981 – Freios Varga
1982 – Invicta
1983 – Freios Varga
1984 – Freios Varga
1985 – Cia União
1986 – Ajinomoto
1987 – Fumagalli
1988 – Metalaf
1989 – Metalaf
1990 – Fumagalli
1991 – Citrosuco
1992 – Citrosuco
1993 – Eletro-Inter
1994 – Mastra
1995 – Freios Varga
1996 – Freios Varga
1997 – Citrosuco
1998 – Indústria Rocco
1999 – Metalúrgica Brum
2000 – Eletro-Inter
2001 – Metalúrgica Brum
2002 – TRW
2003 – Metalúrgica Brum
2004 – Stampline
2005 – TRW
2006 – Arvin Méritor
2007 – Mahle
2008 – Arvin Méritor
2009 – Arvin Méritor
2010 – Ajinomoto
2011 – TRW
2012 – Fumagalli
2013 – Maxion
2014 – CCS
2015 – Newmaq
2016 – Faurecia
2017 – Faurecia
2018 – Ajinomoto

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •