Meia limeirense ganha diploma de mais disciplinado em time inglês

Por Edmar Ferreira

Nem completou ainda um ano de clube e o limeirense Neto Rocha, de 21 anos, já ganhou o certificado de jogador mais disciplinado do Fire United Christian Football Club, equipe da 10ª divisão do futebol inglês.

Passando férias em Limeira, o meia contou um pouco da experiência que está vivendo na Inglaterra. Talvez o seu maior desafio seja lidar com a baixa temperatura. “Enfrentamos de um até cinco graus negativos em média. Todos os dias chove. Os gramados sofrem com isso. Haja lama. Não é fácil jogar no país, mas confesso, estou feliz”, comentou.

Após passar pelas categorias de base do Milan, Neto Rocha acredita que fez sua melhor temporada até agora. “O importante é estar jogando. Cheguei na quarta rodada do Campeonato Inglês e após bons treinos, virei titular. Pude jogar 25 das 37 partidas da minha equipe e marquei quatro gols. Me destaquei nas assistências. Acredito que alcance meu objetivo nesta próxima temporada”, comentou.

Neto Rocha se apresentará ao Fire United no começo de junho para dar início a pré-temporada. O primeiro jogo do campeonato está marcado para o começo de agosto.

Neto Rocha explicou que na Inglaterra existem várias divisões. Sua equipe é jovem e tem apenas 19 anos. Porém, subiu dois anos seguidos e se estruturou melhor.

O dono da equipe é o brasileiro Gustavo Ferreira. Neto disse que a metade do time é formado por brasileiros que tentam a sorte na Europa. Mas segundo ele, a maioria não se mantém pela falta de disciplina.

O Fire United premia os jogadores mais disciplinados com um diploma e o limeirense ganhou o seu. “Eles levam muito em consideração o horário, o comportamento e as regras do clube. Se por exemplo você reclama com o árbitro, você corre o risco de pegar quatro jogos de suspensão. Eu sempre fui quieto e pontual. Isso tem me ajudado”, salientou.

Neto Rocha contou que as equipes dessas divisões inferiores da Inglaterra ganham como prêmio a chance de disputar a FAP, uma espécie de Copa do Brasil. O Fire por exemplo, foi eliminado na pré-FAP. “É por isso que às vezes a gente vê na televisão equipes como Manchester e Liverpool pegando times desconhecidos, com goleiros fora de forma. Os pequenos têm essa oportunidade”, frisou.

O que mais motiva os jogadores que disputam da quinta divisão para baixo na Inglaterra é a oportunidade de assinar um contrato milionário. “Até a quarta divisão os contratos são muito bons. Temos o exemplo do David Beckhan, que saiu da 16ª divisão direto para o Manchester United. Os times grandes monitoram todos os jogadores do país. É por isso que temos que dar o máximo em cada jogo para chamar a atenção deles”, completou.

Neto Rocha, de 1m71 e 68 kg, tem levado tão a sério essa oportunidade na Europa, que vem realizando paralelamante um trabalho de fortalecimento muscular para ganhar mais corpo. A metodologia que vem utilizando é a mesma do velocista jamaicano Usain Bolt.

Filho do casal Wilson e Aurilene, Neto Rocha afirmou que não hesitaria se recebesse um convite para se naturalizar inglês. “Tenho passaporte europeu e não joguei pela seleção de base do Brasil. Acho que não pensaria duas vezes”, sorriu.

Um comentário em “Meia limeirense ganha diploma de mais disciplinado em time inglês

  • 2 de junho de 2019 a 09:39
    Permalink

    Neto sempre marcou presença, enquanto estudante, pela integridade , disciplina inteligência e postura ética!!!
    Seu nome está escrito no Livro da Vida do Colégio Portinari e isso nos orgulha!!!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *