Categorias
Inter de Limeira

Ex-atacante lamenta não ter feito mais gols pela Inter e revela mágoa no Corinthians

Redes Sociais Esportivas

Apenas quatro gols em 34 jogos, porém uma passagem marcante.

Ronaldo Marques rasgou elogios a Internacional de Limeira, time que defendeu em 1989 e 1990.

Disputou inclusive dois Brasileiros da Série A pelo Leão.

Em entrevista ao Pimba nos Esportes da Rádio Mix 770 AM, o ex-goleador, hoje com 58 anos (14/03/1962) disse que fez uma das melhores escolhas de sua carreira ao assinar com a equipe limeirense.

O ex-centroavante revelou a mágoa com o técnico Palhinha no Corinthians em 1989.

“Tinha sido vice-artilheiro do Campeonato Paulista pelo Noroeste, com 10 jogos a menos que o primeiro, e quando retornei ao Corinthians, o Palhinha nem falou comigo. Treinei apenas algumas vezes. Ele não queria nem saber de mim e por isso, não tive meu contrato renovado. Aí veio a proposta da Inter e eu não pensei duas vezes. Era um time bem estruturado na época e que estava crescendo no futebol paulista. Fiz a escolha certa”, comentou.

E a estreia de Ronaldo Marques foi justamente contra o Corinthians, em pleno Pacaembu, pelo Brasileirão. O Leão venceu por 2 a 0 no feriado de 7 de setembro, gols de Machado e do próprio centroavante.

“Foi um momento marcante na minha carreira. A torcida corintiana reconheceu o meu futebol, me respeitou e se virou contra o presidente e contra o Palhinha. A torcida quase derrubou o alambrado naquele dia”, lembrou.

Mas Ronaldo Marques gostaria de ter feito mais gols pela Inter, como Kita fez em 1986.

“Infelizmente a Inter perdeu aquela base vitoriosa de 1986, campeã paulista. Perdeu principalmente o Tato, que foi para o Palmeiras. Era driblador e ajudava demais o centroavante. Nosso elenco era bom em 89, mas não tinha o entrosamento de três anos atrás. Com todo respeito ao Kita, mas se eu fosse o camisa 9 em 86, também teria deixado minha marca”, explicou.

Em 1989, a Inter venceu os dois primeiros jogos do Brasileirão (Corinthians e Náutico), mas teve uma queda de produção. Mesmo assim, se manteve na elite, com quatro vitórias, sete empates e sete derrotas.

No ano seguinte, novamente a Inter começou muito bem, com três vitórias (Botafogo, Vasco e Bahia). Chegou a liderar o Brasileirão. Porém, despencou assustadoramente na classificação, e acabou rebaixada após quatro vitórias, dois empates e treze derrotas.

Carreira

Ronaldo Marques começou no Flamengo com 18 anos, após ser aprovado em um teste. Até hoje, só perde em números de gols na base para Zico.

No profissional, foi pinçado por Cláudio Coutinho. Como a concorrência era grande, o mineirinho de Além Paraíba ficou três anos na reserva, mas tem no currículo o título da Taça Libertadores da América de 1981.

“Fui ganhando experiência ao lado de Zico, Andrade e Júnior. Eram pessoas corretas. Isso me ajudou demais”, frisou.

No Santos, o goleador foi trocado com João Paulo e conquistou o paulista em 1984. Ele formava dupla de ataque com Serginho Chulapa, porém perdeu espaço no time titular e acabou sacado justamente na final pelo técnico Carlos José Castilho, uma vez que o Peixe jogava pelo empate diante do Corinthians.

“Não apareço na fotografia do último jogo porque o treinador optou por levar um zagueiro para o banco de reservas e me deixou de fora. Mas a torcida santista tem um enorme carinho por mim”, disse.

Em 1994, já com 32 anos, Ronaldo Marques abriu as portas para os brasileiros na Coreia do Sul.

“Fiz muitos gols e uma grande campanha pelo Ulsan Hyundai. Eles queriam renovar comigo por mais dois anos, mas eu tinha uma empresa no Rio de Janeiro e decidi me aposentar. Eles tinham a impressão de que os brasileiros eram folgados e não gostavam de treinar. Como eu fui bem e me dedicava muito, os coreanos passaram a contratar os brasileiros. Ou seja, eu abri as portas para nossos conterrâneos naquele país”, lembrou.

Ronaldo Marques entrou na política e vai concorrer a prefeitura de Além Paraíba, em Minas Gerais.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Patrocinado por Agência M9

Propagandas | Propagandas para Rede Social | Criação de Logotipos | Propagandas para Lanchonetes | Propagandas para Oficinas Mecânicas

Propagandas e Notícias