Categorias
Colunas

Últimas do esporte – 28/06

Redes Sociais Esportivas

Palmeiras fechou a venda do centroavante Artur Cabral para o Basel, da Suíça. Verdão, que pagou R$ 5 milhões pelo centroavante, agora receberá R$ 13 milhões. Ou seja, um ótimo negócio. Ceará ficará com o mesmo valor e ainda terá uma porcentagem de uma futura venda.

***

Agora é oficial. O Barcelona vendeu o brasileiro Arthur para a Juventus da Itália por 72 milhões de euros (R$ 442 milhões) + 10 milhões de euros (R$ 61 milhões) em variáveis. O ex-volante do Grêmio disputou 72 jogos pelo time espanhol e conquistou dois títulos.

***

Não será fácil a CBF confirmar o início do Brasileirão para agosto. Hoje por exemplo, o Governo de Minas Gerais vetou a volta do Campeonato Mineiro para o próximo mês. A intenção da Federação Mineira era retomar os jogos para o dia 26 de julho.

***

O Governo do Rio Grande do Sul também pediu mais tempo para analisar o protocolo de segurança, uma vez que várias cidades entraram na bandeira vermelha por conta do aumento dos casos do novo coronavírus. A Federação Gaúcha planeja o retorno do Campeonato Gaúcho no dia 19 de julho.

***

Os 20 participantes da Série B querem o início do Campeonato Brasileiro a partir da segunda quinzena de agosto e não no dia 8, como previsto pela CBF. A proposta ainda será analisada pelo presidente Rogério Caboclo.

***

A presença de Roger em um culto, na noite de domingo, não foi bem digerida por parte da torcida da Ponte Preta nas redes sociais. Atacante, de acordo com nota emitida pela Macaca, estava em quarentena, e recebeu muitas críticas por ida à Igreja Família da Fé, em Campinas. Informação do setorista Lucas Rossafa.

***

O Atlético-MG anunciou a contratação do zagueiro Bueno, de 24 anos, que pertence ao Kashima Antlers. O jogador chega por empréstimo até junho de 2021. Foi um pedido do técnico argentino Jorge Sampaoli, que teve boas recomendações de Zico. No Japão jogou ainda no Shimizu S-Pulse, Vissel Kobe e Tokushima Vortis. Bueno é o quinto reforço do Galo. Os outros foram os volantes Léo Sena e Alan Franco e os atacantes Marrony e Keno.

***

Nem começou a temporada 2020 da Fórmula-1 e a Mc Laren precisou emprestar R$ 1 bilhão de um banco do Barein. O objetivo foi ganhar um fôlego em razão da crise financeira que a equipe atravessa em razão da pandemia do novo coronavírus.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Patrocinado por Agência M9

Propagandas | Propagandas para Rede Social | Criação de Logotipos | Propagandas para Lanchonetes | Propagandas para Oficinas Mecânicas

Propagandas e Notícias