Categorias
Independente

Independente deixa boa impressão na estreia da Segundona

Redes Sociais Esportivas

Pelo futebol apresentado na estreia da Segundona do Campeonato Paulista, o Independente tem tudo para brigar pelo acesso à Série A-3. Jogando domingo pela manhã no Pradão, com portões fechados em razão da pandemia do novo coronavírus, o Galo venceu o União Barbarense por 2 a 1 e largou na frente no Grupo 3. No outro jogo, o Itararé derrotou o Eloesport, em Capão Bonito, por 3 a 0.

O placar poderia ter sido mais elástico em favor do Independente. O alvinegro acertou três bolas na trave, duas delas com o infernal limeirense João Victor, um dos destaques do jogo.

O Galo precisou de quatro minutos para a abrir o placar. Em bola levantada para a área do setor esquerdo, Léo Santos ganhou no alto na segunda trave e escorou para a pequena área para o desvio fatal de João Victor: 1 a 0.

O Leão da Treze empatou aos 33 minutos da primeira etapa. Em falta cobrada pela direita, o lateral Anderson bateu fechado e o atacante Danilo desviou de cabeça, matando o goleiro Diego: 1 a 1. O time de Santa Bárbara d’Oeste também teve uma bola no travessão com o zagueiro Roger.

O gol da vitória galista surgiu aos 21 minutos da etapa complementar. Em uma jogada bastante ensaiada nos treinos, o meia Matheus Petrulio cobrou uma falta pela meia-direita e levantou na cabeça do zagueiro Marcos, que deu a vitória ao Galo: 2 a 1. Foi a chamada “fatiada” na bola.

E olha que o técnico Sandro Gomes perdeu três titulares para a estreia. Os volantes Pedro e Vinícius e o artilheiro Santana tiveram problemas com a documentação e devem estrear quarta-feira, diante do Rio Branco, às 15h, no Décio Vitta, em Americana.

Independente 2 x 1 União Barbarense
Gols – João Victor aos 4 minutos do 1º tempo e Marcos aos 21 minutos do 2º tempo (IN); Danilo aos 33 minutos do 1º tempo (RB)
Local – Pradão
Árbitro – Francisco Maciel Rosário
Independente – Diego; Renato (Maurício), Léo Santos, Michel (Marcos) (Neto) e Gustavo (João Danilo); Marcelo, Anjinho, Didi e Matheus Petrúlio; Nilson Júnior (Adãozinho) e João Victor. Técnico – Sandro Gomes.
União Barbarense – Guilherme; Vitinho, Roger, Brenner (Bambu) e Anderson (Rocha); Alan (Abraão), Café e Klebinho; Matheus Serafim, Denilson e Danilo (João Vitor). Técnico – Angelo Forone.
Ocorrências – cartões amarelos para Brenner e Alan (UB)

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •